Como escolher um fornecedor de dispositivos de segurança

Como escolher um fornecedor de dispositivos de segurança

Como escolher um fornecedor de dispositivos de segurança

As instituições que prestam serviço na área de saúde já têm conhecimento sobre a importância de fazer a adoção de perfurocortantes com dispositivo de segurança. Além de oferecerem uma proteção muito maior aos colaboradores e pacientes, quando comparados aos equipamentos tradicionais, eles também cumprem às exigências de normas como a NR-32, do Ministério do Trabalho e Emprego, e como as resoluções da Anvisa e do CONAMA.

Assim, fazer a oferta desses produtos tornou-se uma grande vantagem competitiva para distribuidores que atuam nessa área. Mas, para que essa atividade seja de fato lucrativa, é preciso encontrar produtos de qualidade e empresas confiáveis.  Por isso, separamos aqui algumas dicas de como escolher um fornecedor de dispositivos de segurança e garantir uma maior rentabilidade. Confira!

  

Certifique-se se os perfurocortantes atendem às normas e leis

 

 

Um dos maiores argumentos de venda dos perfurocortantes com dispositivo de segurança é que o uso deles está previsto em diferentes normas e resoluções. Dessa forma, torna-se imprescindível que o fornecedor ofereça produtos que se encaixam nos padrões e tenham algumas características básicas.

Por isso, fique atento se os dispositivos de segurança são parte integral dos perfurocortantes, se eles são tão simples de manusear quanto os produtos tradicionais, se eles têm algum tipo de capa rígida e se não provocam um aumento no volume de resíduos.

 

Verifique os certificados de qualidade

 

 

Assim como qualquer produto, os perfurocortantes com dispositivos de segurança devem ter o selo do Inmetro que comprova sua qualidade e eficácia na prevenção de acidentes.

 

Compare o custo-benefício

 

 

Ainda que o preço seja um fator relevante na escolha dos materiais, o melhor mesmo é observar o custo-benefício do produto com dispositivo de segurança, em vez de apenas focar no seu valor final, isoladamente. Muitas vezes, os produtos mais baratos não cumprem com algumas dessas exigências citadas acima ou não são adequados para o plano de segurança das instituições de saúde e acabam encalhando nas mãos do distribuidor.

 

Determine critérios relevantes para a seleção dos produtos

 

 

Basicamente, a seleção dos perfurocortantes pode ser baseada em dois tipos de critérios. O primeiro deles é o design desses produtos, que especificam as suas atribuições físicas que devem atender às necessidades clínicas e desejadas para este tipo de equipamento. O segundo está relacionado ao desempenho do material e quão bem ele funciona na proteção de profissionais e pacientes.

Além desses dois aspectos básicos, é possível também atentar-se a outras características relevantes para a escolha:

 

Impacto sobre o volume de resíduos

 

 

Um aspecto essencial que os perfurocortantes com dispositivos de segurança devem ter é que eles não podem representar um aumento no número de materiais descartados. Pois, quando isso acontece, é preciso fazer grandes alterações no uso de coletores de descarte, o que acarretaria em prejuízos estruturais e financeiros para a instituição de saúde.

 

Embalagem

 

 

As embalagens dos produtos com dispositivos de segurança não devem também alterar o volume de resíduos, devem ser de qualidade, fácil abertura e conservar a assepsia da técnica. É importante ainda terem informações claras, com letras grandes e legíveis em português.

 

Os produtos SOL-Millennium estão de acordo com as normas e leis vigentes, além de serem certificados com o selo do Inmetro e possuírem todas as características que você encontrou neste artigo. Se você quer saber mais informações ou solicitar um orçamento, acesse: www.sol-m.com.br e conheça nosso portfólio completo!          

Warning: the following comments are the responsibility of the author and do not necessarily represent the views of the SOL-Millennium.

Deixe seu comentário

Publicações relacionadas